Postado em 21 de Fevereiro de 2017 às 10h34

Instrutor de viola caipira participa de intercâmbio musical com Fernando Deghi

Orquestra Nova Mutum - MT Por Ana Paula Dias Ascom OSJNM Com uma bagagem intensa na mala e várias formações, Fernando Deghi, esteve em Cuiabá ministrando uma oficina de viola caipira, que propôs aos...

Por Ana Paula Dias
Ascom OSJNM


Com uma bagagem intensa na mala e várias formações, Fernando Deghi, esteve em Cuiabá ministrando uma oficina de viola caipira, que propôs aos participantes o desenvolver a leitura musical, conhecimento a simbologia musical em exercícios de fixação, exercitar a memorização em obras utilizando melodias sem harmonia e inserir preenchimentos harmônicos às melodias demonstrando formas diferentes de utilização, incentivando o aluno a criação de arranjos.


Na oportunidade o instrutor de viola caipira da Escola de Música de Nova Mutum, Eleilson Almeida, esteve na capital, por indicação do coordenador pedagógico Fernando Pereira, para participar deste encontro com o músico.“Participar desta oficina me mostrou um universo totalmente diferente, algo que nunca havia visto. Eu tinha um conhecimento limitado e a viola caipira abrange várias possibilidades de atuação, dentre elas a técnica de execução, ou seja, o instrumental . Na oficina, Deghi me mostrou várias oportunidades que o violeiro pode atuar”, explicou Eleilson Almeida.


Fernando Deghi pesquisador, compositor, arranjador e instrumentista, desenvolve o seu trabalho em torno da composição, recuperação, divulgação e ensino de viola brasileira, de 10 cordas e caipira, desde 1989. Iniciou seus estudos na área musical em 1975, sendo grande parte desta trajetória dedicados a estudos intensos na prática violística e inúmeros concertos individuais e duo. Fernando Deghi é o autor dos livros Viola brasileira e suas possibilidades”(2001), Ensaios para Viola Brasileira” (2003), Iniciação a Arte da Viola Brasileira (2007), Navegares (2011), e Ensino à Distância de Viola. Também, suas composições exploram as possibilidades deste instrumento, sobretudo, em termos das muitas afinações possíveis, através dos mais variados estilos musicais recorrendo a uma metodologia voltada ao desenvolvimento, quer técnico, quer de repertório. Possui três CDs gravados: Violeiro Andante (2000), Brasil Violado (2004) e recentemente Navegares, lançado em junho de 2011. Deghi está, ainda, presente na coletânea Veredas da Atlântida- uma caminhada simbólica, lançado na Ilha Madeira em 2005, e no CD-Navegantes Lisboa em 2007.


“Ele é muito técnico. Foram quatro dias muito bem aproveitados e com toda certeza ele me mostrou novas oportunidades dentro de um único instrumento, e o qual eu me identifico, e muito. Eu só conhecia o Fernando Deghi pela mídia, mas poder participar da oficina me abriu a mente diante de tantas explicações e aprendizado, certeza que irei repassar para meus alunos”, finalizou o instrutor.

Confira o link do vídeo abaixo com a participação do instrutor nas aulas em Cuiabá, com o músico Fernando Deghi:

https://youtu.be/iwpU1ZqkI6E

Veja também

Orquestra participa de ‘Sarau’ na comunidade Ranchão13/04/15 A escola Estadual, da comunidade Ranchão, realizou o 1º Sarau 2015. Cada aluno, em contra turno escolar, participa do projeto “Mais Educação”, que tem como objetivo apresentar aulas diferenciadas, como pintura em tela, em tecido, aulas de dança, canto, entre outras. No primeiro sarau, a Orquestra Sinfônica Jovem de Nova Mutum, foi convidada a participar. Ao......

Voltar para Blog